O músico comemorou o aniversário de 78 anos em live transmitida pelo Globoplay, nesta sexta, 7


Produção: Rolling Stone - Foto: Reprodução/Globoplay


Para comemorar o aniversário de 78 anos, Caetano Veloso fez a primeira live de quarentena nesta sexta, 7. O músico contou com a companhia dos filhos MorenoZeca e Tom. A apresentação foi transmitida pelo Globoplay


Na sala de casa, acompanhado dos filhos, e sob a direção de Boninho, a transmissão ao vivo durou 1 hora e 30 minutos. Com música inédita, tributo a Moraes Moreira, clima informal e familiar, a apresentação foi repleta de emoções e certamente não será esquecida tão cedo.


Erramos: prato-e-faca, a tradição e Moreno Veloso


Nota do editor: Logo no início da live, chamou a atenção dos fãs no Twitter que assistiam ao aguardado show virtual de Caetano Veloso o fato de Moreno Veloso, filho dele, ter tocado o prato-e-faca, símbolo importantíssimo da história do samba de roda do recôncavo e da história brasileira, portanto.


Essa percepção foi incluída no texto abaixo de forma completamente equivocada e, assim que revisada, apagada. A Rolling Stone Brasil reconhece, lamenta profundamente o erro e pede desculpa a todos que se sentiram ofendidos com as palavras encontradas aqui, em especial (e em memória) à Dona Edith do Prato e àqueles que fizeram do prato-e-faca uma expressão musical fundamental da cultura do País.


A seguir, os 5 melhores momentos da primeira live de quarentena de Caetano Veloso, publicados em 8 de agosto.


Música Inédita


Durante a transmissão, o cantor lançou uma música inédita feita com o filho TomVeloso. Intitulada "Talvez", a faixa já está disponível em todas as plataformas digitais. 


Antes do lançamento, o artista afirmou sobre a canção: "A música é uma coisa essencial em Cezar Mendes. Ele sente as harmonias e acompanha os caminhos possíveis das melodias como respira, como deixa o sangue circular. Tendo ensinado muito a Tom sobre como se exprime isso com os dedos nas cordas do violão (...). Fiquei feliz de gravar 'Talvez' com meu filho Tom e poder cantar com Tom essa canção feita por um santamarense que vi crescer."


Tributo a Moraes Moreira


Após cantar “Coisa Acesa”, Caetano relembrou Moraes Moreira: “Saudades de Moraes. Celebração a Moraes Moreira”. Além disso, contou rapidamente a história da música e falou da amizade com o fundador do Novos Baianos


Moreira, conhecido pelo excelente trabalho nos Novos Baianos, morreu aos 72 anos, no Rio de Janeiro, em abril deste ano. 


Crítica à postura de Bolsonaro


Em meio à pandemia de coronavírus, o músico criticou a postura de Bolsonaro e a falta de bons Ministros: "O Brasil não tem um ministro da Saúde que tenha chegado como tal, e o Ministro do Meio Ambiente parece ser contra o meio ambiente, são situações muito graves que nós, os brasileiros, estamos enfrentando", disse, via UOL.


Bronca nos filhos


Com o cenário familiar e a linguagem informal, Caetano não mediu as palavras, mesmo ao corrigir os filhos. Como um bom músico perfeccionista e, como aponta a UOL, um pai exigente, o cantor deu uma bronca em um dos meninos. 


Zeca se ausentou por uma música e perdeu a entrada da canção. Logo após, o pai chamou a atenção dele ao vivo.


Esqueceu a letra de Reconvexo


Ao apresentar uma das músicas mais conhecidas da carreira, “Reconvexo”, o cantor, sem querer, esqueceu a letra e errou o verso. Os fãs rapidamente perdoaram no Twitter. Um deles inclusive comentou, via UOL:


Deixe seu Comentário